5 dicas de como gerar negócios em feira têxtil6 min read

Participar de uma feira de negócios pode ser uma grande oportunidade para sua empresa. Entretanto, não basta estar presente, é preciso se esforçar para aproveitar todos os contatos e possibilidades para gerar negócios em uma feira têxtil.

Milhares de pessoas passam pelo seu estande e se você não estiver preparado para recebê-las da maneira adequada, não deixará uma boa impressão. Por isso, se deseja participar de um evento voltado para o setor têxtil, é fundamental ler este post.

Reunimos 5 dicas infalíveis para que sua participação renda bons frutos e coloque sua empresa em um novo patamar no mercado. Acompanhe!

1. Planeje cada etapa

Existe uma máxima do universo empresarial que se aplica a qualquer atividade que se pretenda fazer: o planejamento.

Quanto mais planejadas forem suas ações, melhores serão os resultados obtidos. Isso não é diferente no universo da moda, especialmente na participação em feiras do setor. Afinal, chegar a esses locais sem qualquer direcionamento e estratégia pode prejudicar sua marca.

A organização de uma feira é repleta de detalhes e você deve começar o quanto antes. A elaboração de um briefing detalhado e descritivo com o que se espera da montagem de estande é um bom começo.

Em seguida, defina e oriente os colaboradores envolvidos nas atividades e converse com a equipe de marketing para definir os materiais que serão usados, como:

  • panfletos;
  • cartões de visita;
  • pastas;
  • brindes personalizados;
  • materiais audiovisuais;
  • uniforme especial para o evento.

Lembre-se de que esse planejamento é o responsável por otimizar suas ações, fazendo com que gerem o maior resultado e impacto com o menor custo possível. Para isso, elas devem ser desenvolvidas pensando no público que se deseja atingir.

E como isso pode ser feito? Um bom exemplo é levar para expor produtos que possuam uma maior aceitação no mercado, pois eles acabam sendo importantes no auxílio à introdução das mercadorias menos conhecidas.

Além disso, você pode planejar pequenas palestras, treinamentos e demonstrações de seus produtos, bens e serviços. A ideia é que cada etapa seja previamente planejada, com a definição do profissional responsável e dos resultados esperados.

2. Escute mais e fale menos

Muitas empresas acreditam que a participação em feiras visa unicamente expor seus produtos e apresentá-los aos visitantes. Isso está errado, pois estar em um evento como esse exige mais escuta do que fala.

Os consumidores finais e empresas que visitam seu estande querem conhecer seus produtos. Porém, você precisa ter a sensibilidade de ouvi-los para apresentar a solução ideal.

Imagine que sua empresa trabalhe com peças femininas e masculinas e que um possível parceiro tenha uma loja focada no público feminino. Nesse caso, somente ouvindo um pouco o que ele tem a dizer é possível entregar exatamente o que ele precisa.

Em geral, as pessoas vão a esses locais com a intenção de visitar e conhecer o trabalho de várias empresas. É possível que você perca negócios caso você não seja pontual nesse primeiro contato e ofereça produtos que não atendam às reais necessidades dos visitantes.

3. Colha dados dos visitantes

Como gerar negócios com a participação em feiras? Um dos caminhos é a coleta de dados dos visitantes para transformá-los em futuros clientes.

O movimento esperado em qualquer evento é sempre grande — aliás, é isso que queremos: muitos clientes e visitantes. Em primeiro lugar, é preciso ter condições de atendê-los com qualidade, para que todos que cheguem ao estande saiam com a sensação de que foram recebidos como o cliente mais importante da empresa.

Em seguida, é preciso agir com estratégia e garantir um meio de contato com esses visitantes posteriormente. Existem diversas formas de realizar essa atividade sem ser inconveniente e você pode adequá-las às suas estratégias. Considere:

  • realizar sorteios entre os visitantes que preencherem um formulário;
  • distribuir brindes mediante a realização de um breve cadastro;
  • observar e anotar o nome da empresa presente no crachá.

Além disso, é importante ter um bom material informativo sobre os produtos fornecidos e os contatos da empresa. O objetivo é retornar ao com uma lista de contatos que podem fechar negócios no futuro e garantir que aqueles que se interessaram pelo seu produto consigam encontrá-lo.

4. Participe das demais atividades

Uma feira têxtil é muito mais do que ficar dentro do estande aguardando os visitantes irem até você. É comum que existam diversas atividades, como desfiles, palestras e demonstrações de produtos e você precisa se planejar para participar delas.

O desfile, por exemplo, é uma excelente oportunidade de apresentar seu produto de uma maneira diferenciada e com um impacto visual maior. Diversas pessoas assistirão, então escolha bem as peças e trabalhe para que seus diferenciais fiquem claros aos expectadores.

Assim que decidir participar do evento, converse com o organizador para saber quais atividades serão realizadas e reúna sua equipe para avaliar em quais deles pode ser interessante a presença de sua marca.

5. Aproveite o networking

Por último, é hora de aproveitar o networking. A possibilidade de conhecer parceiros, clientes e outros empresários do ramo é muito grande em uma feira de negócios e você deve ser estratégico para aproveitar essa vantagem.

Durante o evento, é preciso atender a todos com excelência. Lembre-se de que todo cliente pode ser o que você tanto espera. Por isso, faça a melhor abordagem possível do começo ao fim do evento.

Ao final da feira, é imprescindível retomar o contato com os clientes que visitaram o estande. Este primeiro contato, geralmente um agradecimento pela visita, deve ser feito logo nos primeiros dias após o evento.

Depois dessa mensagem de agradecimento, você deve fazer uma triagem de todos os contatos recolhidos e direcioná-los para as pessoas certas na empresa darem sequência ao atendimento. A chama que foi acesa não pode se apagar!

Estar presente em eventos é uma estratégia interessante para sua empresa. No entanto, é preciso deixar claro que nem todos eles são importantes e úteis para o seu negócio. Assim, é preciso avaliar a relevância individual de cada um com a diretoria e suas equipes de vendas e marketing. O investimento é alto e precisa ser bem direcionado.

Após essa definição e com a aplicação das dicas apresentadas, tenha certeza de que você colherá bons frutos, ganhando visibilidade no mercado e conquistando mais clientes e parceiros de sucesso para sua empresa. Por isso, escolha a feira têxtil ideal e participe sempre que ela for pertinente e possa contribuir com os seus objetivos.

Agora que você já sabe como gerar negócios em feiras têxteis, entre em contato com a FCEM para escolher o evento ideal para sua marca!