FCEM Febratex GroupArtwork Business Como a gestão de compras e suprimentos influencia na competitividade de empresas do setor têxtil?3 min read

Como a gestão de compras e suprimentos influencia na competitividade de empresas do setor têxtil?3 min read

A gestão de compras e suprimentos é um dos setores mais importantes dentro de uma indústria têxtil, pois é o responsável por garantir que todo o material necessário para realizar as atividades industriais estará disponível.

Além disso, uma boa logística consegue encontrar uma matéria-prima de maior qualidade, trazendo destaque à marca em meio à competição do mercado e um melhor custo-benefício, ou seja, reduzindo os custos e aumentando a lucratividade.

Entretanto, muitas empresas têm dificuldade em manter a eficiência desse setor. Por esse motivo, selecionamos as principais dicas para alcançar uma boa gestão de compras dentro do segmento têxtil. Tem interesse em saber mais? Então, continue acompanhando este post!

Qual a importância da gestão de compras e suprimentos no setor têxtil?

Um bom gestor deve estar habilitado para ter uma visão analítica de todos os processos de uma indústria, buscando sempre a organização a fim de obter uma maior margem de lucro e retorno, pensando também na competitividade do mercado.

Isso se deve ao fato de que, sob sua responsabilidade, estão os insumos e recursos necessários para que uma empresa tenha êxito. Afinal, qual seria a melhor ferramenta de uma indústria, senão o seu próprio produto?

Por isso, existem alguns passos essenciais que podem tornar uma gestão de compras muito mais eficiente dentro do setor têxtil. Confira, a seguir, as principais dicas!

Como aumentar a eficiência dessa gestão?

Implemente um software de gestão

Um dos primeiros passos que uma atividade industrial precisa dar é investir em tecnologia. Modernizar os meios de produção e gerenciamento é fundamental para qualquer empresa nos tempos atuais. Para a gestão de compras, um software seria a melhor opção.

Com ele, é possível obter dados estratégicos e as informações necessárias para realizar o controle das compras e produção, por meio das seguintes atividades:

  • registro da entrada e saída de estoque;
  • programação das compras;
  • análise do fluxo de vendas;
  • padronização e personalização de produtos, tal como as suas descrições;
  • controle de custos e lucros;
  • negociação com fornecedores;
  • emissão de notas fiscais.

Crie sistemas de controle

Além de usar a tecnologia a favor dos processos e padrões de uma companhia industrial, também é necessário criar sistemas de comunicação entre todas as áreas, a fim de ter uma maior fiscalização e um controle sobre todas as atividades.

Isso também pode ser feito por meio de softwares, instruindo todos os responsáveis pelos segmentos de produção a documentar todas as informações necessárias para a gestão de compras. O sistema de controle não só aumenta a organização, como também auxilia na redução de fraudes.

Realize a gestão de cotações

A cotação de preços é a comparação entre diversos fornecedores, com o objetivo de contratar o melhor serviço com o maior custo-benefício. A partir dessa função, é possível reunir detalhes, características, orçamentos, entre outras informações necessárias antes de fechar um negócio.

Além do mais, ela precisa ser documentada, principalmente por questões legais. Como resultado, a empresa consegue um maior potencial de lucros, otimização de custos, mais vantagens competitivas, aumento da qualidade do produto e melhor relação com os fornecedores.

Como visto, a melhor forma de ter uma boa gestão de compras e suprimentos dentro de uma empresa têxtil é investindo em meios de melhorar a organização e o controle de atividades nos processos industriais. Esse é um procedimento fundamental para conseguir um crescimento gradativo e seguro de negócio, por isso, merece bastante atenção.

Gostou deste post? Então, aproveite para ler também sobre as principais tendências para acompanhar na indústria têxtil!