Você sabe a importância da produção calçadista da região do Cariri?3 min read

Localizada no Ceará, contemplando Juazeiro do Norte, a produção calçadista da região do Cariri começou com pequenas empresas, improvisadas nos quintais. Hoje, a importância dessa fabricação se estende a todo o território nacional.

Atualmente, a região evoluiu para o terceiro maior polo calçadista do país. Com mais de 200 fábricas, são produzidos diversos tipos de calçados com preços competitivos no mercado. Quer conhecer mais sobre essa potência da produção de calçados? Confira a seguir um pouco da história do surgimento dessa grande indústria.

Como surgiu o polo de produção calçadista da região do Cariri?

Iniciado há mais de 40 anos, o polo teve início graças ao surgimento da demanda por sandálias japonesas. Após esse acontecimento, quatro empresas da região começaram a produzir tais calçados.

Com o tempo, a atividade se expandiu e, atualmente, existem mais de 200 fábricas de sapatos atuando por toda a região. Mas, enfim, qual a sua importância no ramo da indústria calçadista? Vamos lhe contar!

Qual a importância da produção calçadista da região do Cariri?

A fabricação calçadista da região se consolidou e conquistou o mercado, afinal, são muitas as características que tornam essa área especial por sua produção. Em 2009, a indústria calçadista da região foi responsável pela exportação de R$ 294 milhões em produtos para outros países – números que mostram a grandiosidade do negócio.

Conheça um pouco mais sobre os calçados no Cariri e qual sua importância para a economia local:

É o maior polo de produção calçadista do Nordeste

Na região do Cariri concentra-se o maior polo calçadista do Nordeste e o terceiro maior do Brasil. O impacto dessa indústria é gigantesco: além de alimentar principalmente o mercado da região, os calçados são exportados para os Estados Unidos, França, Reino Unido, Portugal, Grécia, entre outros países.

Gera empregos

O impacto é tão grande na economia local e regional, que se estima que mais de 6 mil empregos são gerados pela fabricação de calçados no local. Essa situação coloca esse mercado como o maior empregador da região – logo após o comércio.

Dados como esse demonstram a proporção e grandiosidade dessa indústria, que mobiliza todo o entorno, tornando o mercado local totalmente voltado à produção calçadista. Ou seja, movimenta-se toda uma economia própria.

Produz um design único

Uma característica única é a manifestação das riquezas culturais do local representadas no calçados. Eles trazem um design que expressa a identidade da população que vive na região.

Utilizando-se de couros e bordados tradicionais, são confeccionados sapatos bonitos, elegantes e originais. Assim, a região lança tendências fortes, de acordo com a moda mundial (mas com personalidade), que são seguidas pelo mercado nacional.

A produção calçadista da região do Cariri modificou a estrutura dos mercados locais. Economicamente, a produção tem impacto em todo o Brasil, sendo inclusive exportada para outros países. Com sua personalidade própria e diversas cidades engajadas nesse mercado, ele se expandiu de pequenas produções à maior produtora calçadista do Nordeste.

Quer ficar por dentro de histórias de sucesso como esta? Assine nossa newsletter e receba sempre nossos conteúdos atualizados!