Tecnologia para indústria têxtil: o que há de mais moderno no setor?6 min read

Entre tantas estratégias utilizadas para se manter competitivo no mercado, uma das mais essenciais para o setor têxtil é a inovação. E essa é uma palavra cujo significado se renova rapidamente quando falamos em tecnologia para indústria têxtil.

Novas utilidades, uso de computação e desenvolvimento de materiais sustentáveis estão cada vez mais presentes no universo da moda, esportes, uniformes e objetos. A evolução tecnológica dos tecidos traz importantes funcionalidades e pode ser um importante diferencial para o sucesso do negócio.

Mas você sabe quais são essas novas tecnologias e como são empregadas? Continue a leitura, pois este artigo responderá essa pergunta.

O impacto da tecnologia para indústria têxtil

Eventos que debatem o futuro do setor já discutem qual o modelo industrial que sobreviverá, qual será o cenário global e o perfil dos futuros consumidores. Desde já existe a preocupação em manter-se competitivo. Por essa razão, é preciso conhecer as mudanças que já estão ocorrendo e o que virá de novo em alguns campos, como os três que mencionaremos a seguir.

Fabricação

A confecção de tecidos e roupas tem passado por um processo de atualização que vem desde a escolha da matéria-prima até os métodos de produção. Soluções de baixo impacto ambiental têm sido alvo de pesquisa e investimento permanente para maquinário, energia e métodos.

Essa renovação vai ao encontro das novas demandas do mercado, que se empenha em agregar valor ao produto ao mesmo tempo em que repensa os custos. Alguns processos biológicos aplicados na fase de tingimento, por exemplo, conseguem reduzir, em média, 30% no consumo de água e energia elétrica.

Criação das peças

Em uma concepção que une design, arte e ciência, novas peças estão sendo elaboradas, buscando perfeição no corte e acabamento, e valorizando o caráter sustentável.

Softwares que criam os desenhos e máquinas com precisão e rapidez fazem parte desse novo momento e, embora possam exigir um investimento inicial considerável, conseguem reduzir o custo de mão de obra e aumentar a produtividade em pouco tempo.

Novos mercados

É comum pensar em primeiro lugar no mundo esportivo, quando se fala em tecnologia para vestuário. Porém, as possibilidades são muitas e não param de crescer. A procura por benefícios passou a ser mais relevante para muitos consumidores. Com isso, cresce também a opção não apenas pelo fator estético, mas principalmente pelo desempenho.

Existem oportunidades na fabricação de uniformes de trabalho para atividades com risco de fogo ou eletricidade, indústrias, ramo hospitalar e atuação militar, espacial e aeronáutica. Outra tendência é o comércio de roupas funcionais (que secam mais rapidamente, não amassam, eliminam odores ou repelem insetos), aquelas que facilitam o dia a dia das pessoas.

A revolução dos tecidos

Desde peças de roupa para pets até o uniforme de um astronauta da Nasa recebem investimento de pesquisa para melhoria de performance. Portanto, seja qual for o seu negócio, conhecer as alternativas de materiais e o cenário de perspectivas que elas oferecem pode inspirar novos investimentos ou garantir a continuidade da empresa.

Sustentabilidade

As pesquisas por novos tecidos sintéticos — que sejam cada vez mais similares aos orgânicos em termos de aparência, textura e durabilidade — continuam oferecendo resultados muito satisfatórios. Além disso, existe a incessante busca por materiais alternativos e novas fibras.

O reaproveitamento de materiais tem sido um caso de sucesso na construção de novas possibilidades. A reciclagem, além da questão ambiental, também pode refletir em redução de custos de produção. A boa notícia é que já existem estudos avançados a respeito disso e técnicas bastante viáveis podem ser implementadas de imediato.

Especificamente no caso dos tecidos nanotecnológicos, a etapa de tingimento passa por uma mudança que descarta a utilização de elementos químicos tóxicos e poluentes.

Nanotecnologia

A nanotecnologia é a manipulação de matérias com dimensões minúsculas, do tamanho de átomos ou moléculas. Na indústria de tecidos o método é aplicado a fibras e fios, formando estruturas têxteis com diferentes propriedades.

Existe uma tendência de rápida popularização da nanotecnologia, já que suas funcionalidades são bastante vantajosas. São peças mais finas e macias, que proporcionam melhor caimento. Além disso, com a possibilidade de alteração em sua estrutura, são preparados para oferecer controle térmico, controle de absorção de líquidos, proteção ultravioleta, função repelente e antibacteriana.

Uso funcional e inteligente

A tecnologia chegou ao ponto de introduzir internamente, na composição dos tecidos, componentes digitais, com elementos da eletrônica e da computação. Esse material é capaz de responder a diferentes condições, como temperatura e calor, alterando a cor, forma e até o som do tecido. No vestuário esportivo, reage à temperatura corporal de maneira inteligente, liberando calor ou frio, de acordo com sua programação.

Existe, ainda, uma técnica que cria barreiras externas, protegendo contra possíveis contaminações. Exemplo disso são uniformes desenvolvidos para atividades em indústrias químicas, locais com radiação ou alto índice de insalubridade.

A importância da atualização permanente

Em breve teremos roupas capazes de se comunicar, de enxergar, ouvir, falar, se conectar, regular temperatura e energia, monitorar a saúde, serem autolimpantes. Independentemente de qual seja o seu ramo de negócio, alguma dessas características poderá ser a diferença entre o seu produto e o de seu concorrente. Portanto, manter-se atualizado a respeito de todas as inovações é fundamental.

Uma das opções mais eficientes para ter contato com o que há de mais novo no setor têxtil é participar das feiras especializadas. Nelas, estão concentradas exposições, palestras e networking de fornecedores de matéria-prima e tecnologia, prestadores de serviço, produtores e fabricantes de diversos segmentos. Outro foco importante desses eventos é a prospecção de clientes.

As feiras têxteis proporcionam a chance de conhecer e se atualizar a respeito de tudo o que está acontecendo no mercado e as fortes tendências para o futuro. Sem contar que é o cenário ideal para realizar bons negócios.

Como vimos, toda essa revolução tecnológica está proporcionando uma grande transformação na oferta de materiais, criando novas funcionalidades para os tecidos e, com isso, ampliando as possibilidades de utilização.

O investimento em tecnologia para indústria têxtil é uma forma de criar diferenciais e destacar seu negócio.

Para saber quais são as mais importantes feiras do setor têxtil e encontrar novidades e soluções que ajudarão seu negócio a crescer, entre em contato conosco.